WHEN I WAS A KID… 🍭

eu corria na rua, jogava futebol, andava de bicicleta, jogava peteca e por ai vai. E você, quando era criança fazia o que? Eu selecionei algumas coisas da minha época que eu gostava ou tinha. Vamos ver se você teve também?

Qual criança não gosta de um brinquedo? Eu adorava, apesar de ter algumas bonecas eu sempre preferia ir pra rua, correr, me ralar e voltar mega suada e cansada.

Resultado de imagem para brinquedos do anos 90 Resultado de imagem para brinquedos do anos 90

Você lembra dos geloucos? Nossa, eu tinha vários, e faz pouco tempo que desapeguei. Vendi para um colecionador de Recife. E a pescaria, quem tinha? O melhor joguinho e não ocupava espaço. O problema era guardar os peixes.. kkkk

brinquedos dos anos 90 item 03

Alguém lembra dos Tamagotchis? Minnha mãe cuidava deles à noite, porque eles sentiam fome. Para quem não sabia, você cuidava de um bichinho, dava comida, brincava, fazia um “carinho”, ele podia até morrer. Eu detestava ver aquela cruz na tela, já fica imaginando o que eu não tinha feito.. kkk

Continue lendo “WHEN I WAS A KID… 🍭”

Outubro de muito amor @adorofarm

Resultado de imagem para a farm loja simboloa FARM

ao vivo, a cores e toda estampada

não é de hoje que o rio serve de inspiração pra arte.

a natureza, a temperatura, as cores… tudo aqui parece que já foi criado em forma de poesia e a FARM sempre quis transformar esse clima em moda, mas como? da forma mais natural, contemporânea e autêntica possível.

a gente nasceu num pequeno estande numa feira de moda. esse estande virou uma loja e depois uma rede de lojas que conquistou uma cidade, e mais outra cidade, estados e até outros países. uau! aquele nosso cantinho se tornou a marca da garota carioca e, quem diria, deu origem a um estilo de vida inspirador…

a carioca é nosso ponto de partida e nosso ponto final porque é exatamente assim que a a gente acredita que a beleza deve ser: uma continuação feliz e vibrante das nossas meninas, uma tradução ao vivo, a cores e toda estampada de suas almas.

Continue lendo “Outubro de muito amor @adorofarm”

DEPOIS DO FIM COM HEWITT

f98c6-odiaemqueatireinocupido1

SINOPSE:  
Jennifer Love Hewitt revela neste livro sua sabedoria em relacionamentos obtida a duras penas e nos ensina como abraçar o amor com os dois pés no chão. Primeiro, temos que parar de acreditar no Cupido, e crer que o tradicional “felizes-para-sempre” não é uma meta fácil de atingir. De forma lúcida, irônica e honesta, ela nos conta como escolher o cara certo e dispensar os “errados”; além de narrar algumas verdades sobre o sexo oposto e listar dicas do que fazer após um rompimento, como se comportar antes de um encontro, os perigos dos namoros virtuais, e muito mais, usando sempre suas histórias como exemplos das experiências estranhas, engraçadas, loucas e gloriosas que vivemos em nossas relações amorosas.

Depois de vários amores rompidos, sofrimentos e tudo mais que todas nós mulheres temos, Jennifer criou coragem de escrever e contar as suas experiências, e dá algumas dicas de “O QUE FAZER?” depois de um rompimento:

1. Escutar Jagged Little Pill (Alanis Morissette)
2. Comer chocolate, mas só durante 48 horas ( Ops, as minhas duram mais. =x )
3. Sair da cama, preferivelmente dentro de 72 horas
4. Sair de casa (mas lembre-se: é melhor você tomar uma ducha antes para que seus amigos a reconheçam)
5. Falar sobre outras coisas
6. Fazer ioga
7. Apagar o número do telefone dele
8. Mudar o número do seu celular (Não mudei o meu..)
9. Beijar alguém que você acabou de conhecer (mas ele precisa ser lindo de morrer, senão você vai se sentir ainda pior)
10. Comprar uma roupa nova
11. Mudar o corte de cabelo
12. Ligar para aquele gato no qual você sempre pensava
13. Parar de passar pela casa dele (nada de persegui-lo feito a mulher do Atração Fatal)
14. Deletar o ex do seu Facebook
15. Não se arrepender
16. Não assistir a comédias românticas
17. Fazer algo radical (que você normalmente não faria)
18. Não ir aos lugares que eram importantes para vocês dois
19. Suportar um dia de cada vez (todos nós precisamos suportar o fardo de cada dia, a vida é assim)
20. Saiba que não vai morrer (você precisa ficar neste mundo para ele ver o erro que cometeu)

Esse livro no mínimo, você dá boas risadas … falarei um pouco mais, em outro post! Ótima quarta lindões!

bedo1